Novo RG já pode ser emitido com QR Code e dados de 12 documentos

IMAGEM: SSP

Emitida em oito estados brasileiros e no Distrito Federal, a nova carteira de identificação (RG) está ainda mais completa e agora reúne informações de até 12 documentos. Além disso, para facilitar a comprovação de autenticidade, o novo RG ainda incorpora um QR Code.

De acordo com o Governo Federal, esse modelo deverá ser implantado em todo o país até março de 2020 e facilita a vida do cidadão com informações de outros documentos. No entanto, para que isso seja adicionado, será preciso levar os originais. Veja a lista:

Entre os documentos que podem ser incluídos estão: PIS-Pasep, carteira de motorista (CNH), CPF, Cadastro Nacional de Saúde (SUS), carteira de trabalho, identidade profissional, título de eleitor, certificação militar, entre outros.

Nos estados em que a emissão já é realizada, o novo modelo de documento é direcionado a quem está tirando a carteira de identidade pela primeira vez ou está em busca de uma segunda via. Com isso, não é preciso correr para ter acesso ao novo RG, uma vez que o modelo antigo ainda continua valendo.

Esses são os estados onde o documento já pode ser emitido e o custo (se houver) é definido pelo órgão de identificação de cada unidade da federação:

Goiás, Mato Grosso, Acre, Maranhão, Ceará, Rio de Janeiro, Paraná e Rio Grande do Sul – e no Distrito Federal

O cidadão também pode optar pelo modelo em cartão construído em policarbonato, tamanho reduzido, chip para aproximação e durabilidade de até 10 anos. Por exemplo, caso você more em Mato Grosso, o valor da taxa de emissão é R$ 99,53.

INFORMAÇÕES: SSP

Lorena Oliveira

Lorena Oliveira | Comunicadora Editora Foco de Notícias

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.