Em reunião ao PSD Adolfo Viana votou contra processo de expulsão de Aécio

Foto: Reprodução / Instagram
Foto: Reprodução / Instagram

Único baiano membro da executiva nacional do PSDB, Adolfo Viana votou contra a abertura do processo que poderia culminar na expulsão do ex-senador Aécio Neves do partido. A reunião tucana aconteceu no mês pasado.

Dos 30 votantes, 4 se colocaram a favor da abertura do processo, um se absteve e os outros 25 – incluindo Adolfo Viana, deputado federal e presidente do PSDB baiano, ficaram contra.

O relatório do deputado Celso Sabino (PA) foi contra a admissibilidade do processo.

Ao bahia.ba, Adolfo confirmou o voto pelo relatório do deputado Sabino.

“Foi apresentado um relatório pelo deputado Celso Sabino, o presidente [do PSDB nacional, Bruno Araújo] perguntou quem estava contrário o relatório. Quatro se manifestaram contra o relatório, então ficou automaticamente aprovado”, explicou.

Os quatro que votaram pela abertura do processo foram o deputado federal Samuel Moreira, o prefeito de São Bernardo do Campo, Orlando Morando, e os fundadores do partido Edson Aparecido e César Gontijo.

Na semana anterior a reunião, Adolfo Viana já tinha adiantado ao bahia.ba que não concordava com a expulsão de Aécio, uma vez que, apesar de ser alvo de inquéritos, ele ainda não foi condenado por corrupção.

Lorena Oliveira

Lorena Oliveira | Comunicadora Editora Foco de Notícias

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.