Policiais da 44ª CIPM apreendem 49 cabeças de gado em Itanhém. Para a PM a origem dos bovinos é duvidosa

A Polícia Militar apreendeu em Itanhém, na manhã do último domingo (27), 49 cabeças de gado que, segundo a PM tem origem duvidosa.

Inicialmente policiais da 44ª Companhia Independente de Polícia Militar foram acionados por um fazendeiro, vítima de ladrões de gado. O furto havia ocorrido no último dia 24 e um dos animais que havia sido furtado foi visto em uma fazenda no município. No local a PM constatou pelas características e pelo ferro que, a vaca, de fato, era do fazendeiro.

O dono da propriedade onde a polícia encontrou o gado – ainda segundo a PM – disse que no último dia 26 havia comprado 49 vacas leiteiras, inclusive a vaca que havia sido furtada.

De acordo com a PM, o dono da propriedade não soube dizer qual a origem dos bovinos, mas informou o nome do homem que lhe vendeu os animais, enfatizando que não recebeu a guia de trânsito, que é o documento oficial para transporte de animal, onde contém informações essenciais como origem, destino, finalidade, espécie e vacinações.

Os militares fizeram, sem êxito, buscas durante todo o dia na zona rural do município, no sentido de localizar o homem que vendeu as vacas leiteiras. O crime será investigado pela Polícia Civil de Itanhém.

Lorena Oliveira

Lorena Oliveira | Comunicadora Editora Foco de Notícias